Fique bem na foto!

Algumas dicas simples podem ajudar você a fotografar melhor seus projetos e tornar seu portfólio mais vendedor

foto1

Ter um bom portfólio é fundamental em qualquer área de atuação, pois facilita o fechamento de negócios. Na marcenaria então nem se fala, já que, para demonstrar seu profissionalismo e bom gosto, as imagens falam por si só.

Para ajudá-lo a ter mais qualidade em suas fotos – mesmo sem você ser um profissional nessa área – listamos algumas dicas simples, porém muito úteis. Confira e pratique, você irá se surpreender com os resultados!

#1. Cuidado com a luz

Ao contrário do que muitos pensam, a luz natural intensa e a artificial direta podem atrapalhar as fotos, pois geram contrastes e sombras. Prefira uma iluminação artificial indireta ou fotografe em dias nublados, ou ainda no final do dia, com luz suave. Também explore seu equipamento – atualmente, câmeras e celulares vêm com diversos recursos para a compensação de luz (flashes).

#2. Tudo importa

Quando você for fotografar um móvel ou um projeto finalizado, lembre-se de que tudo no ambiente importa. Preste atenção em cada detalhe, atente-se a elementos da decoração e, principalmente, esconda o que não quer que apareça, como fios. Vale muito a pena dedicar um tempo à produção das fotos, pois o resultado será muito melhor.

 #3. No lugar certo

Nem sempre é possível fotografar todo o ambiente em que o móvel foi instalado, a não ser com fotos panorâmicas. Mas essa não é uma boa solução, por conta da distorção desse tipo de imagem. Para mostrar o ambiente inteiro, a dica é se posicionar em um canto de onde seja possível incluir tudo o que você deseja na imagem.

#4. Foco nos detalhes

Para complementar seu portfólio, é sempre bom incluir fotos de detalhes dos móveis. Nem sempre lembramos disso, mas ter closes das peças pode dar um charme extra ao conjunto de imagens. Uma textura diferente, um detalhe do acabamento ou qualquer outro elemento que diferencie seu móvel pode se tornar uma marca de seu trabalho e conquistar um cliente.

foto2

Além de seguir essas dicas, lembre-se: praticar é essencial. Portanto, fotografe bastante, a partir de diferentes ângulos e com diversos tipos de iluminação, e avalie os resultados para entender o que funciona melhor. Só assim você poderá se tornar um expert!